Home | Fale Conosco

 
 
 
 

   News

EM 2017: OITO MILHÕES DE QUILATES E LUCRO DE USD 138 MILHÕES

 

Os indicadores de desempenho de Catoca para o ano de 2017 configuram uma produção recuperação estimada em oito milhões de quilates de diamantes, com custos abaixo dos realizados em 2016 em que foram vendidos sete milhões e duzentos mil quilates, disse em conferência de imprensa o seu director geral.
Serguei Amelin informou que o “bom lucro líquido” de USD 138 milhões (para uma expectativa em torno de 155 milhões) satisfaz a expectativa e só não cresceu devido ao incremento dos programas socias e os encargos com salários que se colocaram acima do planeado inicialmente.
Amelin destacou, no domínio social, investimentos na construção de uma escola e posto médico na localidade de Sweja, a cerca de 25 quilómetros da cidade de Saurimo. A lista de encargos abarca a construção de um bairro social para o realojamento condigno de populares baseados na localidade de Luaxe, num projecto orçado em USD cinco milhões, sendo três milhões dos quais já aplicados, por força da execução faseada de acções com vista a exploração de diamantes na localidade que detém um dos maiores kimberlitos do mundo.
Segundo o director geral, os trabalhos que antecedem o início da exploração pretendida terminam em Março de 2018. Quanto à remoção do estéril do jazigo, perspectiva-se, até Março de 2018, atingir a profundidade de 70 metros, numa empreitada que arrancou há cerca de sete meses e que visa propiciar o arranque de exploração do minério.
A realidade descrita pelo gestor de Catoca aponta para a extracção desde Abril/17, de 13 milhões e 500 metros cúbicos de estéril, o que permitiu atingir uma profundidade de 30 metros dos 70 previstos.
A parceria de Catoca com o governo da Lunda Sul é assinalável. Seguei Amelin referiu que entre várias realizações, a empresa suporta na totalidade o Programa Merenda Escolar e fornece, à medida das solicitações, inertes utilizados na edificação de estruturas para estancar as ravinas em Saurimo, pagando igualmente todas as exigências fiscais legalmente definidas.
O Director Geral da principal empresa exploradora de diamantes em Angola reconhece que a inovação em tecnologia e captação de técnicos competentes para as distintas áreas de serviço, dita o sucesso da empresa.
O número um de Catoca apontou constrangimentos no recrutamento local de capital humano especializado para determinados trabalhos, facto que eleva as despesas em alojamento e afins. A imprescindível manutenção de stock em combustíveis e derivados tem, segundo Amelin, reflexo no aumento de custos da organização.

O responsável acentuou as valências trazidas pela instalação do sistema de controlo de tráfego e acções afins, denominado WENKO, em fase conclusiva, orçado em mais de USD 4 milhões, para poupar custos estimados em igual valor. As evidências, segundo o responsável, provam que o protagonismo dos angolanos na gestão do WENKO suplanta a prestação dos expatriados filipinos.
Amelin esboça um quadro de “ bons resultados” reflexo do rigor, disciplina laboral e espírito de equipa que tipificam o perfil dos trabalhadores na implementação dos planos da empresa, que desde Agosto deste ano instalou uma nova linha de produção de emulsões de explosivos, que pôs fim ao então sistema manual utilizado, poupando gastos na ordem de USD 8 milhões.
Constam dos desafios avançados por Amelin para o próximo ano, a conclusão da extracção do estéril na chaminé de Luaxe, o cumprimento do plano anual que foi aprovado em Assembleia de sócios e respectivo programa de produção, a recolha inicial do minério e estudo das suas características na perspectiva de determinar o tipo de tratamento aconselhável, instalação da central de tratamento e exploração do jazigo.
Serguei Amelin, garantiu que "Catoca é uma empresa auto-suficiente, dotado de todas as forças e possibilidades, que permitem expandir a sua acção em outros jazigos”.




 
Endereço:
Luanda/Angola - Sector Talatona – Luanda Sul - Tels.: 2226247000 | 2226247001 | Fax.: 222006140 | 222006141
Saurimo/Angola - Tels.: 222624000 | 222624001 | Fax.: 222624108