Home | Fale Conosco

 
 
 
 

   News

XVII SEMANA DE PREVEÇÃO COM BALANÇO POSITIVO

 

Mais de mil e quinhentos trabalhadores participaram da Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho e Doenças Profissionais que aconteceu no recinto de Lazer de Catoca, de 01 a 05 de Dezembro de 2014.

Temas como: Prevenção do HIV SIDA, Importância da prevenção e extinção de Incêndios, Deveres e direitos do trabalhador, Sinistralidade rodoviária e as suas consequências, entre outros, dominaram a Semana. António Sousa, chefe de Sector de Segurança de Trabalho, considerou o evento como “tendo obtido resultados positivos”, devido à participação de cerca de 90% da massa de trabalhadores de Catoca, bem como colaboradoras das entidades que prestam serviços a Catoca.

“Os os temas abordados foram elucidativo e muito proveitosos”, recordou o responsável pelo Sector de Segurança de trabalho.

Prevenção de Incêndios

Foi o penúltimo tema da jornada. Dois a três casos de incêndios acontecem semanalmente na Lunda Sul, sendo o mau manuseamento as velas, geradores ligados no momento do abastecimento, má instalação elétrica, etc., as causas principais dos sinistros. João Alfredo Kita, 2º Comandante Provincial de Bombeiros da Lunda Sul, disse ainda que na época seca, os incêndios têm sido mais frequentes dada frequente falta de energia eléctrica. No período chuvoso, explicou, contribuem para os sinistros as fortes quedas pluviais, sendo que "muitas vezes os munícipes se esquecem de cumprir as normas de prevenção contra incêndios", disse.

A “semana” abordou igualmente a questão dos acidentes rodoviários. Dados fornecidos pelo especialista em trânsito, José Manuel apontam que nas estradas da Lunda Sul são registrados diariamente 02 a 03 acidentes resultando em uma a duas mortes.

O director provincial de Viação e Transito, considera alarmante o índice de acidentes rodoviários, um facto que comparou à chamada doença do Século, o VIH SIDA.

“O homem, com noventa por cento de responsabilidade na via, tem de ter em consideração as medidas de precaução, considerando sempres as normas do código de estrada. O desconhecimento destas tem sido a causa de acidentes na via”, considerou o Superintendente.

João Segunda Ungaji, foi convidado para falar sobre o absentismo, um tema bastante badalado em Catoca. "Se o individuo estiver ausente do serviço, doente ou por um outro motivo, tem a avaliação nula". Acho que não é curial que alguém que não tenha trabalhado tenha avaliação "boa", pois isso, embora beneficie o trabalhador que não fez a sua parte, é um custo para o empregador que não recebeu a prestação devida, disse o director provincial da administração pública trabalho e segurança social.

Como representante do Estado ficaria preocupado se me dissessem que alguém adoeceu e não foi pago, esclareceu. “Quem não trabalhou não deve reclamar um subsídio inerente a recompensar o trabalho prestado durante certo período de tempo sujeito à avaliação”.

Segurança é investimento e não um custo

A afirmação é do especialista Raimundo Santos convidado para falar sobre a segurança das operações laborais.

“Ela deve estar ligada ao topo e deve ser uma preocupação permanente, uma vez que tem a ver com vidas, e tem de ser incorporada em todas as decisões do líder, disse o palestrante”.

Em vez de culpar o individuo, quando houver acidente, o melhor será questionar –se sobre “o que poderia ter feito para que isso não tivesse acontecido", aconselhou o também quadro da Odebrecht.

No dia de abertura da jornada de reflexão, a 01 de Dezembro, cujo lema foi: É melhor prevenir, educando, do que socorrer, lamentando, os presentes abordaram a problemática do VIH-SIDA, doença cujos índices de propagação são preocupação da Empresa que instituiu um programa de luta contra o vírus. Os directores de Produção e Recursos Humanos, Engº Vadim Dhzura e Dr. Christian Milbourne, assistiram ao debate.

Melhor ideia será premiada

Presente em todas as palestras, o director de Organização e Pessoas, Christian Milbourne, agradeceu a presença massiva durante os cinco dias e prometeu abrir um canal para a recolha das melhores ideias sobre segurança que serão premiadas à semelhança do que acontece com o Prémio Funcionário do Mês.





 
Endereço:
Luanda/Angola - Sector Talatona – Luanda Sul - Tels.: 2226247000 | 2226247001 | Fax.: 222006140 | 222006141
Saurimo/Angola - Tels.: 222624000 | 222624001 | Fax.: 222624108