Home | Fale Conosco

 
 
 
 

   News

NOVAS CONCESSÕES

 

GANGO E LUANGUE LIGADOS AO MUNDO POR VOZ E DADOS

Localizado a 117 Km, a oeste do município da Kibala, província do Kwanza-Sul, o projecto diamantífero Gango, é uma das quatro concessões em prospecção, pertencentes à Sociedade Mineira de Catoca, que tem dado passos largos.

Emoção, alegria e a satisfação de dever comprido, estavam estampados, na terça-feira, 21 de Maio/13, no rosto da equipa de técnicos do Departamento de Tecnologia de informação e dos trabalhadores daquela Concessão, no acto que marcou a inauguração a ligação do Gango ao mundo, através de uma antena de comunicações telefónicas e internet.

Com um raio de acção de 1 quilómetro, a antena está equipada com tecnologia de última geração e possibilita comunicar com o país e o resto do mundo.

“É um momento marcante que vai ficar nas mentes de todos que contribuem para que êxitos desta natureza acontecem. Sinto-me ter recuado no tempo, e reviver o início do projecto da Sociedade Mineira de Catoca”, disse Amaro Barbosa, Coordenador adjunto das Novas Concessões de Catoca, visivelmente satisfeito.

Para Mphandi Matias, chefe de Sector de Suporte (DTI), é missão do seu Sector levar o sinal de dados onde a Empresa estiver a implementar projectos. “O acto testemunhado é mais uma missão delegada superiormente e cumprida com perfeição”, sublinhou.

Tintas Vunge, geólogo responsável pela prospecção no Gango, destacou as vantagens das comunicações, que vão, segundo ele, auxiliar na transmissão de dados, processamento de requisições de meio e a troca de experiencias em viva voz. “Este acto veio a calhar, estávamos mesmo a precisar”, realçou.

De lembrar que os trabalhos de propensão do projecto Gango, tiveram o inicio a 28 de Julho de 2012.

A PROCURA DO QUE A NATUREZA MANTÉM OCULTO

Desde o início da prospecção efectuada por Catoca várias amostras de minerais foram recolhidas, indiciando a existência de diamantes na região. Foram encontrados pelos prospectores satélites de diamantes como: piropo, picroeleminite, diopsidi e eleminite bem como a descoberta de três quimberlitos, a sul e este da concessão. Os passos posteriores, segundo Tintas Vunge, serão dados no levantamento de dados geofísicos, por intermédio de helicóptero e outros meios disponível para o efeito.

Mas Gango não vive-se só da procura de diamantes. Uma obra de natureza oferece a esta concessão, em franca progressão, uma cascata com quedas de águas, resultando num ambiente indescritível, de beleza ímpar. É um lugar de lazer que convida a atenção de quem o visita. Com objectivo de se montar uma engrenagem para o bombeamento de água para a Base Operacional, em construção. O local recebe obras de limpeza e terraplanagem numa área superficial de 60 metros quadrados.

LUANGUE TAMBÉM FALA AO MUNDO

Na Lunda Norte, outra concessão em que Catoca procede trabalhos de prospecção, também já está ligada ao mundo desde 08.05.2013.

Cinco meses foi o tempo que os técnicos do DTI e Infrasat necessitaram para levar a telefonia fixa e internet à Concessão que dista cerca de 200km a sul de Catoca.

Para Nuno Estima, chefe do Departamento de Tecnologias de Informação, a ausência de infraestruturas e de energia eléctrica foram as principais dificuldades encontradas na execução da empreitada. “O sentimento é de dever cumprido e esperamos, até finais de Maio, levar o telefonia fixa e internet às outras concessões”, disse optimista.

A base do Luangue viveu momentos de grande alegria e não se faziam outras coisas que não fosse telefonar, fazer buscas na internet ou conversar através do Skype.

Especialistas e ajudantes, russos e angolanos, que tinham de se deslocar 42 km para telefonar ou ir a Catoca para mandar um e-mail, fizeram-no de imediato e poucos conseguiram controlar a emoção. “O sinal é bom e em nada difere com os demais sistemas”, reconheceu Yuri, especialista ukraniano em prospecção.

Para Jorge Guimarães, administrador da base do Luangue, estar em comunicação com o mundo equivale a ganhar liberdade. “Sinto-me dentro da sociedade e faltam-me palavras para descrever o que sinto”, disse emocionado.


 
Endereço:
Luanda/Angola - Sector Talatona – Luanda Sul - Tels.: 2226247000 | 2226247001 | Fax.: 222006140 | 222006141
Saurimo/Angola - Tels.: 222624000 | 222624001 | Fax.: 222624108